Professora da EA, Aurora Zen traz uma série de motivos para desenvolvermos essa soft skills se quisermos estar minimamente preparados para o futuro. 

“O inovador é testado pela pressão por resultados, pelas mudanças no comportamento dos potenciais clientes e pelas reações da concorrência.“ (Aurora Zen)

Mesmo diante de tantos avanços e da revolução tecnológica em curso, nunca as competências e as habilidades pessoais foram tão importantes para o administrador. O conhecimento técnico já não basta, é preciso um conjunto de soft skills para entrar e se manter no mercado, ou seja, habilidades sociais e características pessoais que possibilitem uma maior adaptabilidade a este mercado cada vez mais dinâmico. 

Entre essas características, eu gostaria de destacar a importância da resiliência, especialmente para um administrador que busca propor novas soluções para o mercado e para a sociedade. A inovação é introduzir “com sucesso” algo novo no mercado, que pode ser um produto, um serviço, um processo, um novo modelo de gestão ou de negócio. Entretanto, para atingir o sucesso, é necessário estar preparado para o risco do fracasso e para as negativas de colegas ou clientes. Nesse processo, a solução ou o segmento alvo podem mudar. Por vezes, diante do fracasso iminente, corremos o risco de “jogar a toalha” e desistir completamente dos projetos inovadores. Então, é preciso resiliência. 

Segundo o Dicionário Michaelis, resiliência é (1) elasticidade que faz com que certos corpos deformados voltem à sua forma original, ou ainda (2) capacidade de rápida adaptação ou recuperação. Essa é uma característica que vamos desenvolvendo ao longo da vida, principalmente a cada movimento de inovação no mercado. O inovador é testado pela pressão por resultados, pelas mudanças no comportamento dos potenciais clientes e pelas reações da concorrência. No final, o sucesso dependerá, não apenas das ferramentas e dos conhecimentos técnicos, mas da resiliência individual de cada inovador. Como diria Mike Tyson, “todo mundo tem um plano, até levar um soco na cara”. Ganha a luta quem tiver capacidade de levantar, mudar a estratégia e permanecer no ringue. 

Aurora Carneiro Zen,
Administradora EA/UFRGS – Turma: 1999/1
Mestre e Doutora em AdministraçãoProfessora da EA/UFRGS e Diretora de Projetos e Serviços do Parque Zenit-UFRGS

Leave a Reply

Se você é ex-aluno, conecte-se a rede EA Alumni

X
×

Powered by WhatsApp Chat

× How can I help you?